quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

MP investiga desvio de recursos em cidade do Agreste potiguar

MP e PM cumpriram mandados de busca e apreensão em São José do Campestre (Foto: Jackson Félix/O Paralelo )
O Ministério Público do Rio Grande do Norte(MPRN),  deflagrou, na manhã desta quarta-feira (7), a Operação Démodé. A ação investiga um esquema de desvio de recursos públicos instalado na Prefeitura Municipal de São José do Campestre, no período de 2010 a 2012, através da contratação de uma empresa para execução de obras no referido Município.

Segundo o MP, a empresa investigada, apesar de ter vencido quase todas as licitações durante o referido período para execução de obras em São José do Campestre, não tinha registro de empregados contratados até julho de 2012. "Há registro de apenas seis empregados no mês de dezembro daquele mesmo ano", acrestou a assessoria de imprensa do órgão.

Durante a investigação, o MP solicitou ao ex-prefeito José Borges Segundo, as cópias integrais de todos os processos de contratação da referida empresa, mas a documentação nunca foi apresentada.

Segundo o Ministério Público, existem indícios de que a empresa foi criada com o objetivo único de desviar recursos públicos do erário municipal, causando um prejuízo de mais de R$ 600 mil.

Participam da operação três Promotores de Justiça e oito policiais Militares, para cumprimento de dois mandados de busca e apreensão e dois mandados de condução coercitiva, expedidos pelo juiz da Comarca de São José do Campestre.

Do G1 RN

Os alimentos que você deve comer para turbinar a memória

© Fornecido por Abril Comunicações S.A.
1. Sardinha
Esse peixe é saboroso, barato e está entre as principais fontes de ômega-3, uma gordura poli-insaturada que oferece vários benefícios para a saúde, entre eles resguardar a memória. Estudos já demonstraram que o nutriente estimula a formação de novos neurônios, o que é importante para prevenir problemas caracterizados pela perda de células nervosas, como Alzheimer. Outros alimentos ricos na gordura são salmão, nozes e óleos vegetais.

2. Frutos do mar
Camarão, ostras e companhia são cheios de zinco, mineral que combate os radicais livres responsáveis pelo envelhecimento da cuca e do resto do corpo. O nutriente também facilita o trabalho dos neurotransmissores, substâncias fundamentais para o bom funcionamento dos neurônios. Encontre o zinco também nas leguminosas e nas castanhas.

3. Ovo
É na gema que se encontra uma vitamina poderosa para a memória e o bom funcionamento cerebral: a colina. Ela participa da formação de um neurotransmissor chamado acetilcolina, que é fundamental para que a massa cinzenta consiga guardar lembranças. A parte amarelinha do produto da galinha também fornece luteína e zeaxantina, substâncias que parecem ser valiosas para a cognição e, por isso, vêm sendo estudadas mundo afora.

4. Chocolate
A versão amarga do doce é carregada de flavonoides, substâncias que, no organismo, facilitam a chegada de nutrientes e do oxigênio aos neurônios. O resultado é uma memória e uma capacidade de raciocínio mais ágeis.

5.  Frutas vermelhas
Assim como o chocolate, a turma do morango, do mirtilo, da framboesa e da amora se destaca por conter os tais flavonoides – antioxidantes que favorecem a circulação sanguínea e o trabalho dos neurotransmissores.

6. Couve
A família dos vegetais verde-escuros é rica em magnésio, mineral indispensável para uma boa memória, já que auxilia nas transmissões nervosas e protege o cérebro de aditivos químicos.

Boa Forma

Equipe de transição da futura gestão municipal inicia trabalhos

Parte da equipe de transição do prefeito eleito em Japi, Jodoval Pontes, se reuniu com integrantes da atual administração. O encontro aconteceu nesta terça-feira (6) na sede da prefeitura municipal.

O objetivo da transição entre as gestões é garantir o levantamento das atuais condições administrativas do município, através da troca de informações e apresentação documental.

Blog do Joabson Silva

Plenário do Supremo julga hoje decisão de Marco Aurélio Mello

© Dida Sampaio / AE
A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Cármen Lúcia, e pelo menos quatro outros ministros da Corte buscaram durante toda esta terça-feira, 6, amenizar a crise entre Judiciário e Legislativo. Ela incluiu como item número 1 na pauta da sessão desta quarta-feira, 7, o julgamento sobre a liminar do ministro Marco Aurélio Mello que afastou o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) do cargo de presidente do Senado.

A negociação prevê que a partir das 14 horas o plenário acate apenas em parte o mérito da ação proposta pela Rede pelo afastamento de Renan da presidência do Senado. A intenção é garantir o senador na função de comando, mas impedi-lo preventivamente de assumir a Presidência da República na ausência de Michel Temer.

Aniversariante do Dia - 07/12/2016

Terremoto deixa dezenas de mortos na Indonésia

© Reuters/Antara Foto/I. Putra
Tremor de magnitude 6,5 atinge província de Aceh, destruindo casas, lojas e mesquitas. Ao menos 97 pessoas morrem e 300 ficam feridas. Equipes de resgate buscam mais vítimas sob os escombros.

Ao menos 97 pessoas morreram e centenas ficaram feridas nesta quarta-feira (07/12) após um forte terremoto de magnitude 6,5 na escala Richter atingir a província de Aceh, no noroeste da Indonésia.

Imagens da TV local mostram a destruição de casas e edifícios, incluindo lojas e mesquitas, principalmente nos distritos de Pidie Jaya e Pidie. Várias estradas foram danificadas com rachaduras, e postes de energia, derrubados. Segundo as autoridades, ao menos 125 casas, 105 lojas e 14 mesquitas foram destruídas.

Segundo as autoridades, as equipes de regaste ainda estão trabalhando nos escombros de dezenas de edifícios à procura de vítimas.

Na capital Jacarta, o presidente Joko Widodo ordenou que todas as agências governamentais participem dos esforços de resgate.

Centenas de feridos
A Cruz Vermelha Indonésia implantou equipes de resposta a emergências e anunciou contas bancárias para doações. A Organização Internacional para as Migrações disse que enviou uma equipe de avaliação a Aceh.

Cerca de 300 pessoas ficaram feridas após o forte tremor, 73 delas com ferimentos graves, disse o porta-voz da agência nacional de desastres, Sutopo Nugroho.

No hospital principal de Pidie Jaya, devido ao grande número de pacientes, algumas vítimas são atendidas do lado de fora. Dezenas de outros feridos foram transferidos para distritos vizinhos.

As autoridades suspeitam que muitas pessoas ainda estejam presas nos escombros. "Muitos donos de lojas vivem em suas lojas de dois andares. Enviamos três escavadeiras para levantar os escombros dos edifícios", acrescentou o chefe da agência nacional de desastres.

Pânico nas primeiras horas da manhã
O terremoto aconteceu às 5h03 (horário local) desta quarta-feira, com o epicentro a 18 quilômetros a nordeste de Pidie Jaya e a uma profundidade de 17 quilômetros, informaram as autoridades indonésias. Apesar da potência, o tremor não gerou tsunami.

Muitos moradores haviam acordado para realizar suas orações matutinas quando o terremoto aconteceu. "Eu estava tão em pânico e receoso que ainda estou tremendo", disse Amanda, uma médica em Banda Aceh.

A Indonésia está localizada numa região conhecida como Círculo de fogo do Pacífico, onde terremotos e erupções vulcânicas são frequentes. Um terremoto de magnitude 9,1 na ilha de Sumatra, em 26 de dezembro de 2004, gerou um tsunami que matou 230 mil pessoas em 11 países, incluindo cerca de 180 mil somente na província indonesa de Aceh.

Repatriação: governadores e União devem assinar acordo nesta quarta-feira

Os governadores e a União devem assinar nesta quarta-feira (7/12) o acordo que prevê a divisão dos valores arrecadados com a multa da repatriação com os Estados. A minuta do acordo, à qual o Broadcast teve acesso, deixa de fora qualquer contrapartida fiscal e prevê apenas a extinção da ação movida pelos governos regionais no Supremo Tribunal Federal (STF).

Nos termos do acordo, a previsão é que a transferência dos recursos (pouco mais de R$ 5 bilhões que serão divididos por todas as unidades da federação) ocorra na parcela do dia 10 de dezembro referente ao Fundo de Participação dos Estados (FPE). Como cai num sábado, a parcela decenal deve ser paga na segunda-feira (12/12).

Alvos de quadrilha, bancos são atacados no Oeste potiguar

(Foto: Divulgação/PM)
Uma tentativa de explosão a caixas eletrônicos terminou com vidraças de duas agências bancárias estilhaçadas por tiros, portas arrombadas e um carro incendiado. Pelo menos cinco criminosos participaram da ação criminosa, que aconteceu na madrugada desta quarta-feira (7) em Caraúbas, cidade da região Oeste potiguar. Segundo a Polícia Militar, não houve feridos e ninguém foi preso.

Ao G1, o capitão José Marcos de Carvalho disse que o principal alvo da quadrilha era o cofre da agência do Banco do Brasil, mas como o sistema de segurança foi acionado, os criminosos fugiram sem levar nada. Durante a fuga, os assaltantes atiraram nas vidraças do banco e também estilhaçaram os vidros da agência do Bradesco, que fica a menos de 100 do Banco do Brasil.

“O sistema de monitoramento do banco, que funciona em Brasília, me avisou que avia gente dentro da agência. Então, de imediato, solicitei reforço”, revelou o capitão.

(Foto: Divulgação/PM)
Ainda de acordo com Carvalho, o equipamento de segurança disparou por volta das 2h30. “Eram cerca de 5 homens, que chegaram ao local em dois veículos, entre eles uma caminhonete. “A quadrilha já tinha até preparado a estrada, colocando grampos na pista. Cápsulas de munições foram encontradas no local”, acrescentou.

Durante as buscas pelos assaltantes, os policiais que atenderam a ocorrência encontraram um carro em chamas em uma estrada na zona rural do município. “O carro faz parte da fuga. Eles colocaram fogo do veículo para bloquear a estrada”, explicou o capitão.

Equipes da PM de cidades vizinhas foram acionadas para dar apoio, mas os criminosos conseguiram escapar.

A superintendência do Banco do Brasil foi comunicada do ocorrido.

Do G1 RN

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Servidores do Detran-RN entram em greve a partir do dia 12

Os servidores do Detran/RN vão entrar em greve por tempo indeterminado a partir desta segunda-feira (12/12). A deliberação ocorreu em assembleia da categoria realizada na manhã desta terça, 06.

O motivo da paralisação é o não envio à Assembleia Legislativa do Plano de Carreira da categoria. Os servidores estão à espera há quase um ano.

De acordo com o coordenador geral do Sindicato dos Servidores Públicos da Administração Indireta – do SINAI-RN, Santino Arruda, os trabalhadores querem que o plano seja encaminhado e votado ainda este ano, uma vez que as atividades na AL devem se encerrar no início da segunda quinzena de dezembro.

O governo não fez o que se comprometeu desde o início da campanha salarial deste ano. O projeto de lei do Plano dos trabalhadores do Detran-RN foi proposto pelo próprio governo Robinson e acatado pela categoria. “Este é o principal ponto da pauta de reivindicações da categoria este ano, mas até o momento vem sendo protelado”, declara Santino Arruda.

Portalnoar

Bolsinho pequeno do seu jeans existe para uma função específica e você nunca soube

© Fornecido por Batanga Media Difusão pela Internet LTDA
No site norte-americano de perguntas e respostas Quora, a pergunta foi proposta: “Por que nosso jeans tem um bolsinho pequeno na frente? Era algo útil ou é só uma coisa da moda?”. A verdade é que há utilidade no pequenino bolso das calça jeans, cabe uma moeda, aquela nota solitária que você não pode perder de jeito nenhum ou uma palheta de violão.

Mas será que é para isso mesmo?

Para que o terceiro bolso da frente na calça jeans?

Segundo a lembrança de muitos usuários de jeans, a motivação original para ter um bolsinho na frente da calça era para guardar o relógio de bolso. Até então, os homens usavam seus relógios de bolso pendurados no colete. Para evitar que se quebrassem, a marca Levi’s introduziu esses bolsinhos na calça, especialmente, para guardar o relógio.
Mesmo que você pense que o quadradinho da atual calça jeans seja muito pequeno para caber um relógio de bolso, é preciso lembrar também que, conforme o uso de relógios desse tipo foi diminuindo, as fabricantes passaram a diminuir o tamanho dos bolsos. E o blog oficial da Levi Strauss & CO. confirma a hipótese:

“Nosso primeiro jeans tinha quatro bolsos – apenas um atrás, dois na frente, além do pequeno bolso para relógio. Originalmente incluído como proteção para relógio de bolso, essa divisão extra tem várias funções: bolso para camisinha, para fósforo, para entradas de cinema. Esse bolso não só é extremamente útil, como é adorado pelos apaixonados por denim porque desbota naturalmente com o uso”, revela a seção de curiosidades do site da marca.

Por Camila Silva – Bolsa de Mulher